[Prológo] O Século de Paz

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

default [Prológo] O Século de Paz

Mensagem por Uchiha Sasuke em 28/2/2015, 5:23 pm


Um século de paz...?


Depois de 30 anos, Naruto deixou o seu posto de Hokage, passando-o para Konohamaru - nessa altura já um ninja de alto escalão, o clã Uchiha foi estabelecido novamente graças aos descendentes de Sasuke - cujo paradeiro é desconhecido, neste espaço de tempo, o mundo pode respirar a essência da paz.

Gaara ainda é o Kazekage, com a sua política pacífica, Suna prosperou muito nos últimos anos, tornando-se uma das grandes potências no mundo atual, porém nem todas as vilas permaneceram unidas, Kiri agora é uma aldeia isolada do mundo exterior, acusando Kumo de ter roubado as Sete Espadas da Névoa, as duas vilas mantém uma relação delicada, ameaças de ataques são comuns, Suna tenta promover uma aliança entre as vilas envolvidas, porém, negar as Sete Espada da Névoa para Kiri não é um acordo, até mesmo Choujiro, o Mizukage, não aceita um acordo diferente, ou Kumo devolve as relíquias da névoa, ou então... um conflito sangrento se iniciará novamente.

Desde então, todos andam preocupados, uma nova guerra pode iniciar a qualquer momento, basta apenas um pequeno impulso...

Estaria o mundo pronto para uma nova era de guerras?

Uchiha Sasuke
Admin

Mensagens : 259
Data de inscrição : 27/02/2015

Ver perfil do usuário http://sh-world.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: [Prológo] O Século de Paz

Mensagem por Raadam em 16/3/2015, 8:12 am



- Durante anos as vilas se mantiveram distantes, evitando qualquer tipo de relação que pudesse estender algum tipo de laço. Algumas vilas prosperaram mais do que outras, fazendo com que a inveja de outras vilas as dominasse em questão de poucos anos.
Konoha seguiu o caminho da verdade e da honra com Naruto em seu comando. Até que chegou o dia em que o Hokage saiu da vila, e voltou às origens de seu clã, dessa forma refazendo a vila oculta do redemoinho, deixando seu legado à Sarutobi Konohamaru, que veio a ser o Hashidaime Hokage.
Kiri prosperou expandindo seu comercio para todo o mundo, com isso a vila aumentou seu território com uma boa ajuda do País do Fogo, recebendo por direito pelos serviços bem prestados ao País do Fogo um pedaço de terra bem generoso no extremo sul do País do fogo. O trabalho em conjunto de Konoha e Kiri prosperou tanto que chegou a invadir as outras pequenas vilas, sem que as mesmas notassem, e quando finalmente notaram já era tarde de mais. Tendo como seu líder o Rokudaime Mizukage Choujirou, que atualmente é o líder dos espadachins da Névoa.
Iwa cercou suas fronteiras, erguendo ao redor de todo o País da Terra, um muro de 100 metros de altura por 60 metros de largura, se isolando do resto do mundo. E com isso assassinando a sangue frio qualquer estrangeiro que passe perto o bastante para ser atingido em suas fronteiras com os países do fogo e do vento, cinco anos se passaram desde que os muros de Iwa foram construídos, e dessa forma ninguém sabe o que se passa dentro de tal país. Sabendo apenas que seu líder é uma kunoichi, sendo à Yondaime Tsuchikage Kurotsuchi
Suna prosperou até bem ao separar seus desertos em duas partes com um enorme rio que vinha diretamente do oceano, algo que deu muito certo durante ao longo desses cinco anos. Sua relação com Konoha é bem antiga, e devido a isso, mantem uma relação bastante homogenia, dividindo quase que todas as informações. Mesmo velho, Gaara ainda é o Godaime Kazekage com 83 anos.
E por fim Kumo, a vila que mais prosperou e matinha uma relação comercial com Kiri e Konoha delicada, até o ponto que expulsou todas influências de terras distantes de seus territórios, se isolando como Iwa, porem criando trincheiras em suas fronteiras e preparando seus shinobis para uma possível guerra. O governo de Kumo sofreu uma drástica mudança em seu sistema, sendo agora um regime fechado de puro militarismo governado por um ditador tão cruel que fez das terras do País do Trovão seu quintal, assassinando o atual Raikage Darui e também o senhor feudal que governava todas as terras tocadas pelos relâmpagos. Com isso todas as vilas mantiveram olhos abertos para tal vila, esperando que tal guerra nunca chegasse a paz frágil que tanto se apegaram ao longo dos anos. Nada se sabe o paradeiro de Killer Bee, que desapareceu no mesmo dia em que o raikage fora morto. Konoha e Suna tentaram investigar o governo corrupto de Kumo, mais nem mesmo Naruto fora capaz de ir ao fim disso tudo, preferindo se isolar em suas terra no País do Redemoinho, estando preparada para quando a guerra chegar ao seu lar.
Com tudo um estopim aconteceu em uma manhã fria com geada em Kirigakure, onde o Mizukage seu falta de seu maior tesouro, as sete espadas da névoa, e no local onde as mesmas eram guardadas, uma bandana de Kumo fora encontrada, dessa forma fazendo com que a ira de Kiri se virasse contra Kumo, e jurando que se tais espadas não forem devolvidas, a quinta guerra iria acontecer sem que o mundo esperasse.

- Atualmente Konoha e Kiri vem monitorando Kumo por serem as vilas mais próximas de seu território, Suna vem tentando um acordo diplomático entre as vilas, para que o mundo não caia em caos novamente. Tendo em mente que as Bijuu não estão mais seladas em humanos, estão livres pelo mundo, e fora decretado que seria proibido usa-las como arma novamente. E durante 41 anos, nenhuma Bijuu fora vista por nenhum humano.



Raadam

Mensagens : 235
Data de inscrição : 27/02/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum